8 FEIJOADA FLAJARAGUÁ

8 FEIJOADA FLAJARAGUÁ
FEIJOADA FLAJARAGUÁ, DIA 05 DE AGOSTO DE 2017

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Flamengo x Coritiba, será dia 17/09 em Brasília!

Mané Garrincha vai receber partida pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após o sucesso de público e renda na Arena das Dunas, que recebeu Flamengo 3 x 0 Avaí, o Rubro-Negro anunciou a transferência de mais um jogo pelo Campeonato Brasileiro. O duelo contra o Coritiba, marcado para 17 de setembro, às 21h, pela 26ª rodada, será realizado no Mané Garrincha, em Brasília, em vez do Maracanã. O anúncio foi feito pelo Rubro-Negro após a partida desta quarta-feira em Natal. Será a segunda vez em 2015 que o Flamengo vai atuar no Mané Garrincha. A primeira foi ainda em janeiro, em amistoso com o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. O jogo terminou em 0 a 0. Com 32 pontos, o Flamengo ocupa atualmente a oitava posição do Brasileirão e volta a campo neste domingo, às 16h, no clássico com o Fluminense no Maracanã. (www.falandodeflamengo.com.br)

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Especial Clubes Olímpicos: Gávea deve ser destino de parte da delegação norte-americana!

Flamengo também pode receber Comitê Olímpico Britânico na sede do remo. Além disso, não poderá atuar no Maracanã durante disputa dos Jogos Olímpicos, em 2016. O LANCE! continua nesta quarta-feira com o Flamengo a série Especial Clubes Olímpicos. O clube já firmou um acordo com o Comitê Olímpico Americano (USOC, em inglês) para a utilização de diversos espaços na sede da Gávea. Além disto, está em negociação com o Comitê Olímpico Britânico (BOA, em inglês) para atender quatro modalidades – Triathlon, Canoagem de Velocidade, Remo e Maratona Aquática – na sede de remo. A reportagem conversou com o diretor executivo de esportes olímpicos do Flamengo, Marcelo Vido, que destrinchou todos os planos do clube para os Jogos Rio 2016. O dirigente rubro-negro comentou sobre a importância do acordo que um evento deste porte tem para o clube. Segundo ele, o principal legado será a modernização dos equipamentos que ficarão nas sedes: – Um dos maiores legados para o Flamengo será a troca de experiências nas áreas de Ciências e Tecnologia. A modernização dos espaços, os equipamentos esportivos e equipamentos dessas duas áreas (Ciências e Tecnologia) são outros legados importantes. E, finalmente, dentro da nossa estratégia de internacionalização da marca Flamengo, temos a oportunidade de mostra o clube para o resto do mundo. Vale lembrar que os Jogos Rio 2016 também irão interferir no futebol do Flamengo. Hoje em dia, o clube manda as partidas no Maracanã, que ficará fechado por conta da Olimpiada. A diretoria rubro-negra já estuda alternativas de estádios para o período. Um alternativa estudada é a de mandar jogos em outros estados, visando também o aumento da receita do Flamengo, principalmente em período de pouca atratividade como é no Campeonato Carioca. EXPERIÊNCIA DE ACORDOS FEITOS NA COPA DO MUNDO O Flamengo já tem experiência em ceder as suas instalações para delegações de fora do Brasil. Durante a Copa do Mundo do ano passado, o clube firmou um acordo com a Holanda para a utilização do campo da Gávea como centro de treinamento. Marcelo Vido, diretor executivo de esportes olímpicos do Rubro-Negro, relembrou estas parcerias. – Durante a Copa do Mundo de 2014, a seleção da Holanda utilizou as instalações do Flamengo como campo de treinamento. Em troca, a Federação Holandesa reformou o gramado da Gávea e as áreas em anexo utilizadas pelos atletas, como por exemplo, os vestiários – destacou o dirigente ao LANCE!, que completou: – Também durante o Mundial, a Adidas utilizou parte do prédio principal da sede como área de convivência para seus convidados. E, assim como fizeram os holandeses com o campo, também reformou o espaço. Para as negociações de agora, visando o Rio 2016, Vido falou do número de atletas que o clube pode receber: O número de atletas americanos que virão ainda não está definido. No caso dos britânicos, a proposta é atender no máximo 58 atletas. Leia mais no LANCENET! http://www.lancenet.com.br

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Amor e cobrança: Fla chega a Natal sob gritos de "G-4 é obrigação"

Sheik é o jogador mais assediado da delegação rubro-negra, e Kayke, ex-ABC-RN, também é parado por muitos torcedores para fotos e autógrafos. Amor, paixão e cobrança. Gritos de incentivo não faltaram na chegada rubro-negra ao Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves, às 20h46 desta terça-feira. Bastou os jogadores aparecerem na área de desembarque para cerca de 150 torcedores soltarem o grito "Vamos, Flamengo". Mas, segundo depois, emendaram: "ão, ão, ão, o G-4 é obrigação". Os cariocas enfrentam o Avaí nesta quarta-feira, às 21h (de Brasília), na Arena dos Dunas. Aonde o Flamengo vai jogar tem esse carinho enorme, e a gente tem que mostrar é dentro de campo - disse Everton, o primeiro a falar após vencer enorme cordão de fãs - disse Everton. Emerson Sheik foi o mais assediado e teve uma tentativa de driblar a torcida frustrada. Ao buscar o lado esquerdo do portão, um alvoroço se formou em torno do camisa 11. O atacante Kayke, que deixou o ABC-RN no início do mês, também foi muito procurado pelos torcedores. Sentiu-se em casa e celebrou o retorno à capital do Rio Grande do Norte. Fico feliz pelo carinho da torcida, joguei aqui pelo ABC e estou muito feliz de voltar aqui com a camisa do Flamengo - disse o centroavante. O volante Jonas, piauiense, ficou tocado com o carinho da torcida local e prometeu empenho para brindá-los com um triunfo. Sempre é bom o carinho do torcedor do Nordeste. O carinho do povo nordestino é muito grande com a gente, e temos que dar a vitória de presente para eles.(globoesporte.com)