FLAJARAGUÁ

FLAJARAGUÁ
OS 3 SORTUDOS!

sexta-feira, 5 de junho de 2015

Torcida cerca ônibus do Fla e cobra: "Cadê o dinheiro do sócio-torcedor?"

Cerca de 50 integrantes de organizadas pressionam delegação rubro-negra, que sai escoltada do aeroporto Santos Dumont: "É só rachão?", gritou torcedor para Cristóvão. Com xingamentos e cobranças, cerca de 50 torcedores do Flamengo, a maioria integrantes de organizadas, foi até o ônibus do clube para pressionar a delegação na volta de Belo Horizonte - na noite dessa quarta-feira, o time perdeu para o Cruzeiro por 1 a 0. Sem incidentes de violência, os flamenguistas ficaram atrás de um cordão humano formado pela Polícia Militar, mas depois escaparam por outra saída do aeroporto Santos Dumont para cercar o ônibus que aguardava os rubro-negros. O técnico Cristóvão Borges e alguns jogadores, como Alecsandro, Paulinho, Samir e Jonas, foram os mais cobrados pelos torcedores, que gritaram músicas pedindo disposição e questionaram a diretoria: "Cadê o dinheiro do sócio-torcedor?" Apesar de uma ou outra cobrança mais exaltada - quando Jonas parou para dar entrevista, um torcedor falou que ele tinha que jogar bola e parar de errar passes -, não houve tentativa de agressão. A Polícia Militar, com cinco viaturas e 15 homens no saguão do Santos Dumont, organizou uma barreira para escoar a delegação rubro-negra. O Flamengo também levou ao aeroporto boa quantidade de seguranças particulares. - Normal a cobrança do torcedor. Quando não se tem resultado é assim mesmo. A gente entende - disse Cristóvão. Com dois jogos e duas derrotas - para Fluminense e Cruzeiro -, o técnico foi questionado por um torcedor: "É só rachão?" Outros jogadores também foram interpelados, sem responderem em momento algum. O Flamengo volta a treinar nesta sexta-feira e enfrenta a Chapecoense no sábado, no Maracanã. Com um ponto em cinco jogos, o time ocupa a 19ª posição, na zona de rebaixamento.(globoesporte.com)